Você optou pelo mercado náutico por amor, dinheiro ou ambos?

A indústria náutica brasileira é composta por uma interessante mistura de pessoas vindas de diferentes culturas, lugares, níveis sociais e experiências. Alguns cresceram perto de barcos ou da água e, naturalmente, foram atraídos a este mercado ou a este estilo de vida. Dizem que possuem “água salgada nas veias”. Alguns são oriundos de outros setores ou indústrias e, outros, ainda, não possuem nenhuma experiência no mercado náutico. Há também aqueles que vêm de alguma cidade distante, com poucas oportunidades de desenvolvimento profissional ou econômico e agarram a chance e o sonho de uma vida no mar. Não trato aqui de descrever todas as opções, o que seria impossível, contudo, seja qual for a sua história, você sabe por que está no mercado náutico? … O que gostaria de fazer, é ajuda-lo a refletir sobre o como se sente a respeito do seu trabalho. Existe uma frase no livro “The Wind in the Willows” (O vento nos Salgueiros – é um livro de literatura infantil escrito em 1908) de Kenneth Grahame que diz (tradução livre): “Não há nada, absolutamente nada, que valha mais a pena do que simplesmente mexer com barcos…” (There’s nothing, absolutely nothing, half so much worth doing as simply … Continue lendo Você optou pelo mercado náutico por amor, dinheiro ou ambos?