Anúncios

Robert Scheidt estreia na vice-liderança do Aquece Rio

Pedro Martinez/Sailing Energy/ISAF Scheidt: boa estreia no Aquece Rio

Maior atleta olímpico brasileiro foi sexto e terceiro nas duas provas da Regata Internacional de Vela, evento-teste para os Jogos Rio 2016, neste sábado (15)

Pedro Martinez/Sailing Energy/ISAF  Scheidt: boa estreia no Aquece Rio

Pedro Martinez/Sailing Energy/ISAF
Scheidt: boa estreia no Aquece Rio

São Paulo (SP) – Confirmado como o representante brasileiro da classe Laser nos Jogos Rio 2016, Robert Scheidt fez uma boa estreia no Aquece Rio – Regata Internacional de Vela, evento-teste olímpico disputado na Marina da Glória, no Rio de Janeiro. O velejador foi sexto e terceiro nas duas regatas do dia, e alcançou a vice-liderança, com nove pontos perdidos, mesma pontuação do líder, o cipriota Pavlos Kontides.

“É ótimo começar bem, dá um gás a mais para os próximos dias”, destacou o bicampeão olímpico na Laser. “Tivemos vento fraco na primeira prova, e acabei tomando uma punição, uma bandeira amarela. Mas fiz uma grande recuperação e consegui terminar em sexto. Na segunda prova, larguei bem melhor e permaneci sempre entre os primeiros. Estou feliz com a maneira como velejei hoje.”

A competição reúne 38 velejadores na classe Laser, entre eles os principais adversários de Scheidt, como o croata Tonci Stipanovic, o holandês Rutger Van Schaardenburg, o inglês Nick Thompson e o francês Jean-Baptiste Bernaz. Estão previstas outras oito regatas, duas por dia, até sexta-feira. No próximo sábado (21), os dez primeiros colocados disputam o pódio na medal race, valendo pontos dobrados.

“Todas as raias são complicadas, cada uma com uma característica diferente. Ainda tem muita coisa para acontecer, preciso continuar focado para não cometer nenhum erro e chegar com uma boa média na fase final”, observou Scheidt. O velejador foi ao pódio em todas as Olimpíadas que disputou – além dos dois ouros, em Atlanta/1996 e Atenas/2004, foi prata em Sydney/2000, também na Laser, prata em Pequim/2008 e bronze em Londres/2012, na Star. Em 2016, brigará pela sexta medalha nos Jogos.

Pedro Martinez/Sailing Energy/ISAF  Vice-liderança no evento-teste

Pedro Martinez/Sailing Energy/ISAF
Vice-liderança no evento-teste

Maior atleta olímpico brasileiro

Laser

Onze títulos mundiais – 1991 (juvenil), 1995, 1996, 1997, 2000, 2001, 2002*, 2004 e 2005 e 2013

*Em 2002, foram realizados, separadamente, o Mundial de Vela da Isaf e o Mundial de Laser, ambos vencidos por Robert Scheidt Três medalhas olímpicas – ouro em Atlanta/1996 e Atenas/2004, prata em Sydney/2000

Star

Três títulos mundiais – 2007, 2011 e 2012*

*Além de Scheidt e Bruno Prada, só os italianos Agostino Straulino e Nicolo Rode venceram três mundiais velejando juntos, na história da classe Duas medalhas olímpicas – prata em Pequim/2008 e bronze em Londres/2012

Mais informações em www.robertscheidt.com.br

Twitter: @robert_scheidt

Facebook: Robert Scheidt

Acompanhe também a ZDL nas redes sociais:

Twitter: @ZDLcomunica

Facebook: ZDL Comunicação

ZDL – Juliana Leite (MTB 49.580)

E-mail: juliana@zdl.com.br

Tels: Juliana (11) 3258-5911 e (11) 98457-9704

Anúncios
About Max Gorissen
Sailor, writer and editor, in that order...

Deixe uma resposta

Aumentar fonte
Contraste
UA-141530851-1
%d blogueiros gostam disto: