A magia da Semana de Vela de Ilhabela

Balonada no canal de São Sebastião na largada da regata de domingo da 43ª Semana de Vela de Ilhabela.

A Semana de Vela, para muitos, é tanto uma lição de vida quanto uma lição de vela, onde, paciência, coragem, liderança, sabedoria, estratégia, tática, conhecimento de navegação, treino, sorte, azar e inteligência, entre outras atribuições, são colocadas a prova em dia: de pouco vento, de muito vento, de maré contra, de chuva, de maré a favor, de navios enormes ancorados, de manhã, de tarde, a noite, de percursos triangulares, de popa, través e orça, de regata de longo percurso, de regata de curto percurso, de veleiros de vários tamanhos na mesma raia, de velejadores experientes, de velejadores amadores, de manzas, de velejadores de ressaca, de velejadores educados, de velejadores mal-educados, de lancheiros cruzando a raia, de balsa cruzando a raia, de fome, de comida boa, de comida ruim, de enjoo, de muito enjoo, de vento constante, de vento rondando, de vento afunilado, de neblina, de cerração, de golfinhos, de amigos, de ilha à proa, de pedra escondida, de maré alta, de maré baixa, de encalhe e de quebra, enquanto, o velejador, aproveita tudo com diversão, simpatia, animação e com a típica camaradagem do velejador brasileiro... ou seja, a Semana de Vela tem um pouco de tudo embalado em um ambiente paradisíaco.

Conteúdo restrito a assinantes. 

Caso deseje adquirir uma assinatura da SailBrasil, clique aqui.

Caso seja um assinante e deseje fazer o login, clique aqui.

About Max Gorissen
Sailor, writer and editor, in that order...
Aumentar fonte
Contraste
UA-141530851-1
%d blogueiros gostam disto: