Regatas do Mundial de Snipe Ilhabela 2019 começam para os juvenis

Regatas do Mundial de Snipe Ilhabela 2019 começam para os juvenis

As regatas do Mundial de Snipe 2019 para os juvenis começam nesta quarta-feira (2), na Escola de Vela Lars Grael, em Ilhabela (SP). A organização do evento internacional confirmou o número de 15 duplas de cinco países: Argentina, Brasil, Japão, Portugal e Uruguai.

Podem participar velejadores de até 22 anos. As provas serão realizadas no Canal de São Sebastião até o sábado (5). O Brasil, que sedia mais uma vez a competição, tem ao todo oito títulos mundiais júnior desde 1973 quando a organização da classe começou a promover a competição para os mais novos.

Já ambientados a Ilhabela desde a semana passada, os participantes se reuniram para a tradicional reunião dos comandantes nesta terça-feira (1º). ”A reunião de comandante é importante para tirar dúvidas sobre regras e as características da raia local. Esse contato também é bom para mostrar aos velejadores como é formada a comissão de regatas”, disse Cuca Sodré, presidente da comissão de regatas do Mundial de Snipe 2019.

Foi realizada também no fim da tarde a cerimônia oficial de abertura da versão júnior com a presença de autoridades locais e do organizador do evento, o medalhista olímpico Bruno Prada. ”Esperamos um campeonato muito disputado, tanto no júnior quanto no sênior. Muitos garotos têm talento e em breve estarão disputando títulos com a nossa geração”, explicou Bruno Prada.

A dupla campeã mundial júnior vai levar pra casa o Troféu Vieri Lasinio Di Castelvero nas provas de 2 a 5 de outubro. Os gaúchos Tiago Brito e Antonio Rosa são os atuais detentores do mundial na categoria. Os dois estão inscritos para o Mundial, mas apenas para a versão sênior, que começa na semana que vem, também em Ilhabela (SP).

O bicampeão olímpico Torben Grael é o único da lista no País que venceu as duas versões: o júnior e o sênior. O velejador subiu no lugar mais alto do pódio em 1978, no campeonato júnior Mission Bay (Estados Unidos), ao lado de Eduardo Mascarenhas. 

”Esperamos ir bem em Ilhabela, principalmente se o vento não passar de 15 nós, pois minha dupla é mais leve”, disse Otávio Cardoso, de 19 anos. O atleta fará dupla com Esdras Santana no Mundial de Snipe Jr. 

Campeonato Sul-Brasileiro como preparação

No fim de semana passado, a Escola de Vela Lars Grael sediou o Campeonato Sul-Brasileiro de Snipe 2019, último teste antes Mundial da categoria. A competição contou com 56 duplas e teve Alexandre Paradeda e Gabriel Kieling como campeões. O time formado por Mario Sergio de Jesus e Gabriel Borges ficou com o segundo lugar e Henrique Haddad e Gustavo Nascimento em terceiro.

As principais duplas que estão inscritas no Mundial de Snipe correram o Sul-Brasileiro como forma de preparação para o principal evento da categoria do ano. As regatas internacionais valem os títulos mundiais júnior e sênior.

Baixe o Aviso de Regata do Mundial de Snipe 2019 ou

Foto em destaque: On Board Sports.

—–

Entre em contato com a equipe On Board Sports:

Flavio Perez
flavio@onboardsports.net | redacao@onboardsports.net
+55 11 99949-8035
www.onboardsports.net

Anúncios

Deixe uma resposta