Anúncios

Veleiro Rajada II

Foto: M.I.Gorissen

Especificações:

  • Ano de Fabricação: 1973
  • Outros nomes: –
  • Modelo: Standfast 40 (Fabricado entre 1972 e 1984 na Holanda num total de 110 veleiros deste modelo)
  • Estaleiro: Standfast – Holanda
  • Material construtivo: Fibra de vidro
  • Armação: Sloop
  • Propulsão:
  • Tripulantes/ Passageiros: 10 (9+1)
  • Numeral: BL 49
  • Comprimento (LOA): 40 ou 12,19 m
  • Design No.: 
  • Linha d’água (LWL) (m): 9,91 (32,50 ft)
  • Boca (Beam) (m): 3,99 (13,08 ft)
  • Calado (m): 2,13
  • Área velica (m²): 76,09
  • Deslocamento (Kg): 9.525
  • Projetista: Franz Maas
  • Proprietários: Vladislovas Vitautas Polisaitis (1973), Amadeu Bardella Caparelli, Chico Arruda, Mário Franco, Eduardo Louro, Marcos Libaroni.
  • Observações: Para o Brasil, foram importados dois veleiros Standfast 40 (por Roberto Rocha Azevedo), o Procelária de Fernando Pimentel Duarte e o Rajada de Vladislovas Vitautas Polisaitis que antes participaram da Admiral’s Cup de 1973.

Esta é uma história em desenvolvimento… caso possua informações, contribua!


Standfast 40 “P” – modelo cruzeiro

Standfast 40 Regata (modelo do Rajada II)

O veleiro Rajada II

O Rajada II é um Standfast 40 modelo Racer.

Construído pelo renomado Frans Maas, mesmo construtor do consagrado SAGA, localizado em Breskens, Holanda, possui todas as qualidades que se espera de um famoso estaleiro Holandês.

O Standfast 40 é um barco rápido de sua geração, corrobora o fato deste modelo conquistar os primeiro e segundo lugares (Trailblazer and Flamenco) da disputada Fastnet Race na edição de 1975, também bons resultados na Admiral’s Cup 1971, com o Standfast for Holland, também, o estaleiro Palmer Johnson (E.U.A) negociou com Frans Maas para produzir este mesmo modelo, denominado “PJ 40”.

Hoje, um Standfast é sinônimo de um confortável e marinheiro veleiro de cruzeiro.

Estaleiro

Standfast Yachts
Middenhavendam 3 – 4511 AX Breskens – P.O. Box 13
4510 AA Breskens – The Netherlands

O estaleiro estava localizado em Breskens, às margens do Zeeland, na Holanda. Conhecido por produzir veleiros de alta qualidade e muitos vencedores de regatas (a maioria projetada por Frans Maas).

Além do “Racer”, modelo de competição com o deck nivelado, outras duas versões, ‘S’ e ‘P’, foram produzidas como modelo cruzeiro ou “Cruizer”, com um teto baixo e uma plataforma mais conservadora. A versão ‘P’ ou Prestige é mostrada na foto abaixo.

Alguns foram vendidos pela Palmer Johnson como PJ-40.



Fotos

As fotos a seguir forma tiradas por IMMO, Maximilian Immo Gorissen, meu pai, que velejou no Rajada II nos anos 1973/4. Foram tiradas por ele durante um pernoite no ICS e uma velejada no dia seguinte. Caso reconheça alguém da tripulação, comente abaixo.


As fotos a seguir são de autoria do Sr. Eduardo Louro:


Contribuição

Algumas Fotos são de autoria de Eduardo Louro, ex proprietário do Rajada II.


Foto em destaque: Max Gorissen na Roda de Leme do Rajada na sua vaga no ICS em dezembro de 1973. A foto foi tirada por Maximilian Immo Gorissen.


Cadastro Nacional de Veleiros

Cadastro Nacional de Veleiros Brasileiros (LOA até 100 pés).

Não importa se esses veleiros são de propriedade de indivíduos, organizações, fundos fiduciários ou museus. Também não importa se são novos, usados, estão em péssimas condições, se já foram destruídos ou afundaram.

Não importa se foram produzidos no Brasil ou no exterior, desde que tenham algum tipo de relação com o Brasil… Todos são importantes.

Quer ajudar ou possui informações? Clique aqui para saber como.

.

.

Anúncios
About Max Gorissen
Sailor, writer and editor, in that order...

Deixe uma resposta

Aumentar fonte
Contraste
UA-141530851-1
%d blogueiros gostam disto: