Diário 28 – 10/07/22 – Expedição Rota Polar

Sonhos Polares

Como em todas as viagens tenho sonhos muito reais, daqueles que quando acordo sou capaz de jurar que estive em determinadas situações. Além de sonhar me recordo deles com clareza.

Agora de manhã eu sonhei com o Lulu Santos. Por acaso nos conhecemos em 1985 quando o Lulu queria encontrar um lugar em São Paulo para lançar para a imprensa o álbum Norma

Na época nós (Zé Renato e Alex) estávamos inaugurando um bar nos Jardins que estava fazendo muito sucesso, o Singapore Sling. Um porão com comida boa, drinks e jazz ao vivo.

No dia do lançamento pude conhecer um músico que eu sempre gostei muito. Acabamos ficando amigos, e uns anos para frente o Lulu tocou no AeroAnta. Sempre que fazia suas turnês em SP ele gentilmente sempre me convidava para assisti lo.

Pois bem, aqui nestas noites polares de verão onde nunca deixa de ser dia o sono é cortado, por isso acordo muito, e assim vou lembrando de um sonho atrás do outro.

Como dizia, no sonho de hoje eu cheguei ao Rio de Janeiro e subitamente me vejo entrando em um palco com uma plateia a perder de vista em pleno céu aberto, e lá estava o Lulu encantando a todos. O Lulu é a pessoa que eu conheço que mais produz hits de sucesso.

Sentei me em um sofá no palco onde eu podia controlar o volume do som. O show era solo, um tipo de acústico com guitarra elétrica.

Fiquei ali interagindo com o show por algum tempo. Uma certa altura ele saiu do palco para um intervalo e nós pudemos dar um abraço.

Então ele me perguntou. Betão o que você pode dizer sobre o aquecimento global? Eu imediatamente respondi: Lulu, não tenho uma opinião formada a respeito. Não sei o quanto é causado por nós e quanto é um ciclo. Considero que influenciados um ciclo, mas se estamos no ciclo de resfriamento ou aquecimento não posso afirmar.

Continuei. A minha perspectiva em relação à vida me leva a perceber que como a Terra é um ser vivo, ou melhor, um Ser Espiritual e todos nós também somos, sinto que existe uma interferência de nossas emoções diante da natureza. Somos um coletivo de Natureza, pois somos feitos também de natureza, não apenas os elementos.

Esta coletividade de natureza conhecida por humanidade expressa incessantemente emoções e esta energia vai gerar alguma resposta.

Lulu sei que a minha resposta não é acadêmica, e sim esotérica.

Mas eu pessoalmente creio um dia o esoterismo se conectara com a ciência, e quando isso acontecer uma Luz acenderá na consciência humana. Eu percebi que a nossa conversa era ouvida silenciosamente por toda a plateia.

Por fim, quando falei a respeito desta fusão fiz um gesto seguido de um som, como um BOOM…

Acordei no mesmo instante com um sentimento muito bom.

Sonhos polares misturado com Noites Tropicais.

Beto Pandiani

Autor da foto em destaque: Expedição Rota Polar – Beto Pandiani e Igor Bely


Beto Pandiani e Igor Bely embarcam em uma jornada de 100 dias velejando por uma rota marítima lendária: a Passagem do Noroeste.

Localizada no extremo norte das Américas, acima do Círculo Polar, a Passagem é uma área de estreitos que esteve, por séculos, congelada.

Esse cenário, porém, tem mudado nos últimos 25 anos, com o degelo da região e a abertura de caminhos antes intransponíveis.

Partindo do Alasca rumo ao mar da Groenlândia, Beto e Igor querem entender em que medida essa transformação tem sido causada pelo homem e em que medida é ação da natureza.

Filmada pela Tocha Filmes e acompanhada por um time de especialistas da USP, a viagem dará origem a um documentário sobre as mudanças climáticas no Ártico e seu eventual efeito no resto do planeta.

É a expedição Rota Polar

Acompanhe a expedição, participe, contribua ou saiba mais em:

Acompanhe a expedição em tempo real

Visite nossa loja

Torne-se membro do Clube Rota Polar e ganhe recompensas exclusivas

Facebook – Beto Pandiani

Instagram – Beto Pandiani

LinkedIn – Beto Pandiani

Site Rota Polar

Veiculado pela SailBrasil News com autorização dos autores. Copyright © Rota Polar – Beto Pandiani. Todos os direitos reservados.

A SailBrasil é sobre muito mais do que vela e veleiros; é sobre o estilo de vida da vela e a relação que existe entre os seres humanos e o mar, descrita através de histórias curtas, mas muito bem contadas, informações atualizadas, de um lindo design e de uma fotografia impressionante.

error: Conteúdo protegido! - Content protected!
%d blogueiros gostam disto: